quarta-feira, 11 de Fevereiro de 2009

A osteopatia é solução para problemas de coluna vertebral

"Os Jovens de 25 a 35 anos vêem seu problema resolvido apenas com um tratamento"

Todas as partes do corpo funcionam juntas de uma forma integrada. Se uma das partes está limitada, as restantes deverão sofrer adaptações e compensações, eventualmente levando à inflamação, à dor, à rigidez e a outros problemas de saúde.

Os maiores problemas incidem normalmente na coluna vertebral, onde o osteopata tem um papel muito importante, uma vez que é o único especialista que consegue através das mãos e sem cirurgia recolocar as vértebras na sua posição anatómica.

Os osteopatas estão habilitados para ter uma abordagem holística ao paciente, ou seja, tratam o corpo como um todo de uma forma sinergética. Ao incidir a terapia manual numa certa área do corpo, podem estar a curar um problema que o enferma noutro lado.

A osteopatia consegue ser utilizada para diagnosticar, tratar e prevenir uma doença, permitindo ao corpo que se cure a si mesmo.

Os problemas articulares acontecem quando os músculos ficam tensos e forçam os ossos a saírem do lugar, o que vai criar uma situação de mal-estar e muitas vezes dores intensas, o mesmo acontece através de traumatismos e posteriormente degeneraçoes ósseas .

Enquanto o problema não é tratado, o corpo contrai os músculos, para evitar o movimento, e para tentar eliminar a dor do sítio afectado.

Com cada movimento que faça, as dores começam a ser cada vez mais insuportáveis e a acumulação de líquidos começa a ser cada vez mais uma realidade.

O osteopata utiliza as mãos para perceber os movimentos e tensões do corpo, através de varias técnicas manuais suaves e não invasivas.

Isso significa que pessoas de todas as idades podem consultar um osteopata, desde o recém-nascido ao idoso.

O tratamento osteopático influencia o funcionamento fisiológico do corpo humano ao tratar músculos, articulações e fáscias melhora a circulação, a função do sistema nervoso e imunológico, a digestão e a respiração.

A melhor opção é recorrer a um osteopata profissional, que, através do recurso à manipulação e tecidos moles coloca as articulações na sua posição anatómica (nos locais certos), reequilibrando e melhorando a postura do paciente.

Assim que os ossos se encontram na sua posição anatómica, os movimentos começam a ser mais soltos e a circulação irá começar a ser feita de uma maneira mais escorreita, com o fluxo de líquidos a ser drenado, e não acumulado.

Para evitar o agravamento da situação, a altura ideal para tratar destes problemas é no princípio, quando começam as primeiras dores, o que permite uma resolução muito mais simples e eficaz.

Fonte: O Ribatejo

Reportagem do Jornal de Santarém

"Mãos que fazem 'milagres'"

A osteopatia, uma medicina não convencional que usa técnicas manuais para diagnosticar e tratar uma grande variedade de problemas de saúde, principalmente na coluna vertebral, é cada vez mais procurada por quem sofre de dores e não obtém resultados nos métodos mais habituais de massagem e fisioterapia.
“Há casos de pessoas que têm mais de cem sessões de fisioterapia e não conseguem resolver o problema e com uma ou duas sessões de osteopatia resolvem o mesmo”, explica João Silva, osteopata com consultório na rua Dr. Dionísio Saraiva, N.º 21, 1º Frente, em Almeirim.
Especializado em osteopatia pela Universidade Lusíada, João Silva tem consultório na cidade há seis anos, uma opção tomada ponderadamente e que o levou já a recusar vários convites para abrir consultórios em cidades de maior dimensão como Lisboa ou Coimbra.
“É preciso combater a ideia de que só há bons especialistas em Lisboa. Quando as pessoas me perguntam porque não sigo esse exemplo, explico que tenho cá a minha vida, os meus filhos, e os meus pacientes e que da mesma forma como as pessoas de cá vão a Lisboa, os pacientes da capital também podem vir a Almeirim”, explica João Silva, revelando que a mensagem já passou e actualmente tem muitos clientes da grande Lisboa.
João Silva dá consultas de segunda a sábado, das 10h00 às 19h00. A maior parte dos seus doentes sofre de problemas de coluna vertebral, onde a osteopatia tem um papel muito importante, uma vez que é o único especialista que consegue, através das mãos e sem cirurgia, recolocar as vértebras na sua posição anatómica.
A maior parte dos problemas articulares acontecem quando os músculos ficam tensos e forçam os ossos a saírem do lugar, o que vai criar uma situação de mal-estar e muitas vezes dores intensas, o mesmo acontece através de traumatismos e posteriormente degenerações ósseas. Enquanto o problema não é tratado, o corpo contrai os músculos, para evitar o movimento, e para tentar eliminar a dor do sítio afectado. Com cada movimento que faça, as dores começam a ser cada vez mais insuportáveis e a acumulação de líquidos começa a ser cada vez mais uma realidade.
A osteopatia não usa qualquer tipo de medicamento e, segundo João Silva, é cada vez mais aconselhada por médicos de família.
João Silva não cobra consultas às crianças de Almeirim e tem protocolos com algumas instituições do concelho. Uma delas é a escola de futebol Foot Kart. O osteopata faz avaliações grátis a todos os alunos, verificando o chamado pé-chato (diminuição do arco longitudinal do pé) e aconselhando posturas e comportamentos.

Notícia publicada no Jornal Notícias e Negócios de Santarém: http://www.negociosenoticias.com/edicao44.pdf

quarta-feira, 30 de Janeiro de 2008

osteopatia

Poderão as mãos ter poderes terapêuticos? A sabedoria popular diz que sim. E a medicina ocidental começa também a reconhecer os seus benefícios.

Os benefícios da manipulação física no tratamento de lesões não são novidade. Fruto da sabedoria popular, os métodos tradicionais de massagem e manipulação atravessaram gerações através dos séculos, embora nunca oficialmente reconhecidos pela medicina convencional. Como o caso da osteopatia.
Ao contrário da quiropráxia, que tem como centro de acção a coluna vertebral, a osteopatia baseia-se no princípio da mobilidade e livre circulação dos influxos nervosos, através dos quais se pode manipular diferentes partes do corpo. Os osteopatas também partilham da visão holística do corpo humano, debruçando-se sobre as suas características físicas, mentais e emocionais. Na osteopatia, a saúde pressupõe o equilíbrio perfeito destes três componentes, sendo possível alcançá-lo/trabalhá-lo mediante determinados ajustes físicos. Para além da correcção de desequilíbrios, a osteopatia permite ainda detectar e prevenir anomalias, restaurando o equilíbrio antes de surgir a doença.

As mãos instrumentalizam uma vasta gama de técnicas, como vibrações suaves, massagens e diversos graus de manipulação que conferem mobilidade às articulações, estimulando a função dos tecidos moles ou facilitando a circulação através do relaxamento dos músculos. Deste modo, fornecem aos tecidos mais oxigénio e favorecem a eliminação dos produtos tóxicos. Uma vez que o osteoapata utiliza uma técnica específica para cada tecido (osso, ligamento, músculo e víscera), o tratamento varia consoante as necessidades. De uma forma geral, tratam-se de técnicas estruturais (manipulações articulares), rítmicas (estiramentos e bombeios) funcionais ou de relaxamento (massagem).
Quem pode beneficiar do tratamento osteopático?
• Pessoas que sofram de dores indefinidas nas costas, como por exemplo de ciática
• Dores musculares no pescoço, ombro ou braço, que resultem de doença crónica ou de lesão (ex: lesões na cervical, torcicolos)
• Dores nas articulações, resultantes de distensões ou entorses, artrites e problemas de mobilidade da articulação dos maxilares
• Dores de cabeça e sinusite
• Stresse de postura e ocupacional, hérnias discais e lombalgias
• Perturbações digestivas ou respiratórias, incluindo asma
• Traumatismos: pós-parto, traumatismo de acidentes e lesões desportivas

Quem tiver estes sintomas pode partilha-los neste, e também pode comentar algumas idas a osteopatas e seus resultados se positivos ou negativos.

sábado, 31 de Março de 2007

Bem-vindo ao meu blog!


Coloque aqui todas as suas questões sobre a Osteopatia e Terapias Manuais, os nossos serviços de Estética e todas as suas questões, dúvidas e problemas.

Estamos cá para lhe responder.

Para isso basta clicar no menu lateral, em Participe neste blog, se estiver registado, ou em Comentar este post, abaixo. Se preferir, envie-nos um email para info@osteopatajoaosilva.com.

Pode também visitar o nosso site aqui, e conhecer melhor todos os nossos serviços.